Etiquetas

,

A Agência Brasil  ---BC, SC, Brasil.- A Procuradoria-Geral da República (PGR) criou um gabinete de crise e um grupo de apoio para a Olimpíada Rio 2016, que vão atuar até 31 de agosto. A portaria com a medida foi publicada na edição de hoje (11) do Diário Oficial da União.

O gabinete de crise será coordenado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e será integrado pelos procuradores-gerais de Justiça do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, do Ministério Público Militar e dos Ministérios Públicos dos estados em que haverá eventos da Olimpíada.

Também participará um integrante do Conselho Nacional do Ministério Público. O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, fará parte do gabinete como convidado.

Cabe assinalar que a informação foi fornecida pela Agência ia Brasil (EBC).