BC, SC, Brasil.- Pelo menos 15 pessoas morreram o dia15 de outubro, entre elas civis, e várias ficaram feridas em um bombardeamento da aviação russa no norte da província central síria de Homs, informou o Observatório Sírio de Direitos Humanos.

Segundo informação da Agência Brasil (EBC – 15/102015) os mortos são seis combatentes de fações opositoras ao regime de Damasco e nove civis, incluindo uma menor de idade, segundo a organização não governamental, não descartando que o número de mortos poderá aumentar porque há feridos em estado grave.

O observatório informou que a força aérea russa atacou hoje várias cidades e áreas do norte de Homs.

Os bombardeios coincidem com uma ofensiva por terra do exército sírio contra a cidade de Telbise, um dos principais bastiões rebeldes da metade setentrional de Homs e outras zonas próximas. Durante o dia de hoje, a aviação russa teve como alvos Telbise, Tir Maleh e Garnata.

Cabe assinalar que, desde 30 de setembro, a Rússia, aliada do regime do Presidente Bashar al-Assad, está  bombardeando a Síria, na sua primeira intervenção militar direta no conflito daquele país desde o seu início, em 2011.