Etiquetas

, ,

Foto PF Brasil

Foto PF Brasil

Belo Horizonte/MG, Brasil. – A Polícia Federal deflagrou hoje (1/9) a Operação Barajas, para desarticular uma associação criminosa que praticava estelionatos perpetrados contra brasileiros inadmitidos a ingressar na Espanha, enquanto detidos no Aeroporto de Madri-Barajas. O crime vem ocorrendo desde 2012 e, até o momento, foram identificadas 14 vítimas do golpe.

Segundo nota da Agencia de Noticias da PF, foram cumpridos mandados de prisão, condução coercitiva e busca e apreensão, em Vila Velha/ES e na cidade de Ipatinga/MG.

As vítimas recebiam ligações da estelionatária que, fazendo-se passar por funcionária do consulado brasileiro, solicitava transferências de valores com a promessa de providenciar o desembaraço migratório e o ingresso no país estrangeiro.

Os envolvidos foram indiciados pelos crimes de estelionato e constituição de organização criminosa, cujas penas máximas somadas atingem 13 anos de reclusão.