Etiquetas

,

Foto PF Brasil

Foto PF Brasil

Jales/SP – A Polícia Federal deflagrou nesta manhã (27/8) a Operação Touro Branco, para desarticular esquema de tráfico de drogas em diversos estados. Nos últimos meses, 40 pessoas foram presas, mais de 600 kg de maconha e 97 kg de cocaína foram apreendidos, além de 23 veículos e 6 armas de fogo.

Segundo nota da PF, foram expedidos 30 mandados de prisão temporária e 26 mandados de busca e apreensão que estão sendo cumpridos em São Paulo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Minas Gerais, Goiás e Espírito Santo.

As investigações foram iniciadas pela PF desde o final de 2014, com base em informações recebidas sobre a atuação de traficantes da cidade de Ouroeste/SP, dentre eles um ex-peão de rodeio e empresário do ramo, que mantinha contatos com traficantes de Mato Grosso, São Paulo e Minas Gerais. A partir do início das investigações, dezenas de traficantes foram presos, e diversas prisões e apreensões foram realizadas. Evidências demonstraram que a droga era proveniente de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, com posterior envio para Minas Gerais, Goiás e São Paulo.

De acordo com nota oficial, vários integrantes dos grupos criminosos identificados foram presos, porém, muitos outros ainda estavam em liberdade. Por esta razão, a PF representou ao juízo de Ouroeste/SP por mandados de prisão e busca e apreensão destes investigados, bem como em endereços que mantêm relação com eles. O objetivo dos mandados é localizar foragidos, investigados, drogas, armas, valores e bens adquiridos, em tese, com recursos do tráfico, além de documentos de interesse das investigações.

Os presos durante a operação, bem como os que estão sendo presos na data de hoje, ficarão à disposição da Justiça Estadual de Ouroeste/SP e responderão por diversos crimes, dentre eles tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas. Os mandados de prisão temporária expedidos tem duração de 30 dias de reclusão, prorrogável por igual período, com possibilidade de conversão em prisão preventiva por tempo indeterminado.

*O nome da Operação Touro Branco foi utilizado em alusão à atividade de aluguel de touros de rodeio utilizada como fachada por um dos investigados de Ouroeste/SP, preso, que paralelamente atuava no tráfico de cocaína.