Etiquetas

, , ,

Foto: ONU/Eskinder Debebe

Foto: ONU/Eskinder Debebe

Rio de Janeiro, Brasil.- O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, parte de Nova York na tarde desta quarta-feira (19) para uma visita oficial para Rússia e a Ucrânia, como parte de seus esforços diplomáticos para encorajar todas as partes a resolver a crise atual de forma pacífica.

A informação foi divulgada por meio de um comunicado nesta quarta e traduzida em idioma português pela ONU Brasil. Também esta semana, o Conselho de Segurança deve se reunir para discutir a crise.

O secretário-geral tem apelado para uma solução que seja guiada pelos princípios da Carta das Nações Unidas”, informou o comunicado.

Sua primeira parada será Moscou, onde ele se reunirá nesta quinta-feira (20) com o presidente Vladimir Putin, o chanceler Sergey Lavrov e outros funcionários do alto escalão.

Ban viajará na sexta-feira (21) para Kiev, onde se reunirá com o presidente interino Oleksandr Turchynov, o primeiro-ministro Arseniy Yatsenyuk e outras autoridades.

Na capital ucraniana, ele também vai se reunir com membros da Missão das Nações Unidas de Monitoramento de Direitos Humanos e representantes da sociedade civil.

Meses de instabilidade política na Ucrânia levaram à deposição, pelo Parlamento, do presidente Viktor Yanukovich em fevereiro, seguido pelo aumento das tensões na região autônoma da Crimeia, onde militares russos foram recentemente implantados e um referendo de secessão foi realizado no domingo (16).

Durante toda a crise, funcionários da ONU têm apelado para uma solução que respeite a unidade, soberania e integridade territorial da Ucrânia.